Serviço de Água, Esgoto e Meio Ambiente do Município de Araras
Árvores na sede do Saema são identificadas pelo DMA

Entre elas estão espécies como figueira, paineira, jatobá e uvaia

                                                                                                                         Ederaldo Poy/Saema

Árvores foram identificadas com nome popular e científico

 

O DMA (Departamento de Meio Ambiente), órgão ligado ao Saema (Serviço de Água, Esgoto e Meio Ambiente) de Araras, identificou várias espécies de árvores plantadas no terreno da autarquia.

 

Foram selecionadas algumas em destaque, com nome popular e cienfítico, como por exemplo: pitanga (eugenia uniflora), mangueira (mangifera indica), guaçatunga (casearia sylvestris), figueira benjamini (ficus benjamina), paineira (chorisia speciosa), sibipiruna, (caesalpinia peltophoroides), ipê-amarelo (tabebuia ochracea), jatobá (hymenaea courbaril), abacateiro (persea americana), uvaia (eugenia pyriformis), pinus (pinus echinata), timburi (enterolobium contortisiliquum).

 

O objetivo desta identificação é ressaltar o valor das árvores no meio ambiente, conscientizando os visitantes e colaboradores sobre a importância da educação ambiental e da preservação da natureza, valorizando assim as espécies encontradas. Em cada árvore foi colocada uma placa de identificação.

 

Ederaldo Poy/Saema

 

  

 
RACIONAMENTO

 

 
Saema implanta rede de esgoto no futuro residencial Prefeito Milton Severino

Já foram feitos 1.100 metros de tubulação, ao todo são 1.736 metros; empreendimento é construído por meio do programa Minha Casa Minha Vida

Ederaldo Poy/Saema

Valor da obra é de R$ 455 mil com recursos da própria autarquia 

O Saema (Serviço de Água, Esgoto e Meio Ambiente) de Araras, realiza a implantação da rede de esgoto no futuro residencial Prefeito Milton Severino, localizado na zona norte, ao lado do Aeroporto Municipal Armando Américo Fachini.

 

A rede passa pela estrada ao lado do Aeroporto Municipal e segue no sentido a empresa Ciafértil, no bairro Loreto, onde será ligada ao emissário, que fica as margens do Ribeirão Arary.

 

Já foram feitos 900 metros de tubulação e no total serão 1.736 m. O valor da obra é de R$ 455.985,41 e está sendo realizada com recursos próprios da autarquia, pela empresa KC Gomes Construções ME

 

Ao todo, o residencial terá 680 moradias, viabilizadas pelo programa Minha Casa, Minha Vida.

 

As casas são destinadas às famílias que possuem renda mensal bruta de até R$ 1,6 mil. 

 

Ederaldo Poy/Saema

 
Saema adquire containers modulares para departamentos

Ao todo, são oito módulos distribuídos na autarquia, represa Hermínio Ometto (Sobradinho) e Estação Elevatória de Esgoto, na zona leste

Ederaldo Poy/Saema

Containers estão instalados na sede da autarquia ao lado da Estação de Tratamento de Água (ETA) 

O Saema (Serviço de Água, Esgoto e Meio Ambiente) de Araras, adquiriu oito containers modulares a fim de suprir a falta de espaço para acomodar alguns departamentos.

 

Seis deles estão instaladas na sede próximos a Estação de Tratamento de Água (ETA) e estão destinados para acomodar o departamento de Segurança do Trabalho/Cipa (Comissão Interna de Prevenção de Acidentes), Controle de Frotas e sala de reuniões - as outras quatro serão para empresas que prestam serviços à autarquia.

 

Outros dois foram para a Estação Elevatória de Esgoto (EEE), localizada na zona leste e para a represa Hermínio Ometto (Sobradinho) – estes dotados de banheiros.

 

“São estruturas com um custo-benefício muito baixo e com uma funcionalidade excelente. Com isso estamos proporcionando a nossos funcionários e colaboradores um espaço ideal para a realização de seus trabalhos”, disse Carlos Cerri Júnior, presidente da autarquia.

 

Os módulos são metálicos com paredes de painel termo acústicos em chapa de aço zincados pré-pintada em branco, teto com forro em poliestireno extrudado, piso revestido em manta vinílica e iluminação fluorescente.

           

Ederaldo Poy/Saema 

 
RACIONAMENTO

 

 
Em 2 dias de racionamento, Saema enfrenta mais de 100 rompimentos de ramais de abastecimento

Danos, em parte previstos, são reparados por equipes de manutenção; interrupção no fornecimento de água das 6h às 18h é retomada, agora incluindo fins de semana

Arquivo/Saema

Equipes estão trabalhando ininterruptamente para consertar os danos na rede

Os dois primeiros dias do racionamento de água em Araras foram marcados por intensa movimentação das equipes de manutenção de rede do Saema (Serviço de Água, Esgoto e Meio Ambiente) de Araras.

Entre quinta (16) e sexta-feira (17), quando teve início a interrupção no fornecimento de água entre 6h e 18h, a autarquia registrou mais de 100 pontos de ruptura de ramais de abastecimento, em diferentes regiões da cidade.

Os danos, resultantes da variação de pressão e da movimentação de tubulações e conexões, entre outros fatores, foram previstos em boa parte pelo Saema, que vem procedendo os reparos.

De acordo com o presidente da autarquia, Carlos Cerri Júnior, o plano de execução do racionamento permanece inalterado. O primeiro fim de semana – dias 18 e 19 – foi usado para avaliação dos problemas de rede e solução da maioria dos casos de rompimentos e a interrupção do fornecimento no intervalo anteriormente anunciado prossegue, agora incluindo os próximos finais de semana, até que chova significativamente.

 “Esses problemas da rede nós já havíamos previsto. Estamos com 100% do nosso pessoal de rua trabalhando ininterruptamente para consertar os danos em cada ponto, com a maior rapidez possível”, explicou Cerri.

           

Chuvas irregulares no fim de semana

Se por um lado o Saema segue com o racionamento preventivo – visando preservar parte das reservas de água bruta do município, por outro a autarquia continua  tendo que fazer e refazer programações de ação com base nos boletins meteorológicos que são divulgados no Estado.

Com frequência essas previsões têm sido frustradas, com índices de chuva previstos não se confirmando ao longo dos períodos. Ou, como ocorreu nesse fim de semana, com a ocorrência de chuvas irregulares e até mesmo queda de granizo, sem que no entanto os volumes sejam significativos para repor as represas locais.

 “Ouvimos por meio do 0800 do Saema e soubemos que nas redes sociais houve pessoas relatando que choveu granizo em suas propriedades. Mas o pluviômetro do Saema, instalado na ETA (Estação de Tratamento de Água) no Jardim Cândida, registrou zero de chuva, que também não beneficiou nossas represas à oeste do município”, disse Cerri.

 

Secom/PMA

 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 Próximo > Fim >>

JPAGE_CURRENT_OF_TOTAL

 

 

 

Notícias

Comunicado: rompimento de adutora pode causar falta d´água na região norte
Leia mais...
 
Pródébito 2: prazo para parcelamento de dívidas termina nesta sexta-feira

 

Leia mais...
 
Dia da Árvore: atividades comemorativas começaram nesta segunda-feira

 

Leia mais...
 
Saema inicia a 5ª Sipat na segunda-feira
Leia mais...
 
Saema discutirá o problema da estiagem em encontro no Centro Cultural
Leia mais...
 
Saema: palestra, saúde e higiene são atividades no início da 5ª Sipat

 

Leia mais...
 
Araras registra 55% menos chuva do que no ano passado
Leia mais...
 
Decreto autoriza multa a munícipe que gastar água
Leia mais...
 
Saema realiza campanha pela saúde do trabalhador
Leia mais...
 
Saema define devolução de taxas pagas em concurso cancelado
Leia mais...
 
Problema no sistema tem dificultado adesão do PróDébito do Saema

 

Leia mais...
 
Concurso público do Saema é cancelado
Leia mais...
 
0800 do Saema funcionará normalmente durante os jogos do Brasil

 

Leia mais...
 
Problemas ambientais transmitidos com bom humor

 

Leia mais...
 
0800 do Saema esta recebendo ligação de celular
Leia mais...
 
Servidores participam do programa “Conscientização Profissional”
Leia mais...
 
Semana do Meio Ambiente: bióloga do DMA faz palestra a alunos do Sesi
Leia mais...
 
13/05/14 - Blitze educativas utilizam humor para falar sobre economia de água

Leia mais...
 
09/05/14 - Comunicado: Saema interditará avenida para realização de obra

Leia mais...
 
07/05/14 - Reservatórios pichados por vândalos recebem pintura

Leia mais...

Pesquisa